Dia do Enólogo (22 de outubro)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datas.blog/3143

Próxima Celebração "Dia do Enólogo": Segunda-Feira, 22 de Outubro de 2018, : daqui 332 dias, 22:10:18-02:00.
Tempo médio de leitura para essa data comemorativa: ± 3 minutos.

O Dia do Enólogo em 22 de outubro de cada ano, é uma comemoração na cidade brasileira de Bento Gonçalves-RS e "Capital Brasileira do Vinho", que foi criada pela Lei Nº 848 de 1 de setembro de 1978, e que deu origem ao "" no Estado brasileiro do Rio Grande do Sul, e ao "Dia Nacional do Enólogo" no Brasil, além de já ser sido proposta também, como "Dia Nacional do Enólogo E Técnico Em Viticultura e Enologia e do Vitivinicultor" no Brasil, através do Projeto de Lei Nº 2.274 de 29 de setembro de 1983 [arquivado em 5 de maio de 1989].

A data comemorativa de brasileiros foi capitaneada sempre pela ABE [Associação Brasileira de Enologia], e tem por fim demarcar a data da fundação da então ABTEV [Associação Brasileira de Técnicos em Enologia e Viticultura] no Brasil, uma entidade que foi constituída em 22 de outubro de 1976, tendo como objetivo promover a cultura vitivinícola e estabelecer uma relação harmônica entre os enólogos e os consumidores de vinho das Terras Brasilis.
Cabe ressaltar também que foi num 22 de outubro de 1959, que foi fundada a Escola Agrotécnica Federal de Bento Gonçalves-RS, uma instituição que habilita Técnicos em Enologia no país.

Para conhecimento, o enólogo é o profissional responsável por todas as decisões sobre a produção do vinho, desde a análise do solo até a melhor técnica para a colheita das uvas.
Ele também participa de todo o processo pós-colheita, definindo as técnicas de vinificação e o momento de colocar o vinho no mercado. Algumas vezes, atua como vendedor e assume a parte de marketing do produto.
Normalmente, esse profissional de elaboração dos vinhos é formando em Agronomia com especialização em enologia, visto que ainda existem poucas faculdades no Brasil que oferecem o bacharelado em Enologia. A título de exemplo, a Universidade Federal do Pampa da cidade brasileira de Dom Pedrito-RS é uma das poucas universidades com curso superior de enologistano Brasil. Ela oferece aos estudantes de enologia, disciplinas de base, que incluem botânica, microbiologia e climatologia; e disciplinas práticas como vinificação, marketing de vinhos e análise sensorial.

Segundo o Projeto de Lei da Câmara Federal brasileira já citado, as funções do enólogo podem ser assim resumidas:

  • colaborar na criação e no cultivo dos vinhedos;
  • responsabilizar-se pela elaboração dos mostos, assegurando sua conservação;
  • apreciar as relações existentes entre a Economia e a legislação vitivinícola e a Técnica Enológica, organizando a distribuição dos vinhos;
  • colaborar na concepção do material utilizado em tecnologia e o acondicionamento nas indústrias vinícolas;
  • aplicar racionalmente os conhecimentos recebidos dos trabalhos científicos e, eventualmente, efetuar investigações tecnológicas;e
  • proceder à análise físico-química-microbiológica e organoléptica dos produtos descritos anteriormente, deduzindo seus resultados.

Para finalizar, segundo a jornalista brasileira em formação, Emili Nitske Pereira, é importante saber diferenciar o enólogo, que é o profissional responsável por toda a produção do vinho; do sommelier, um profissional que possui o conhecimento não só sobre as características do fermentado, mas também sobre sua correta harmonização, trabalhando em restaurantes, bares e lojas do setor, normalmente como responsável por tudo que envolva as bebidas, desde compra e recebimento das mercadorias até a elaboração da carta; e do enófilo, que é toda aquela pessoa que apenas aprecia ou estuda sobre a nobre bebida, ou seja, todos aqueles que gostam da bebida de Baco, que fazem anotações sobre os vinhos que tomam ou que frequentam confrarias e encontros, mas que não têm responsabilidade alguma sobre a elaboração dessa bebida à base de uvas. Para ser enófilo não é preciso curso profissionalizante, basta gostar e apreciar um bom vinho.

Fontes consultadas:

  1. www.camara.gov.br/…
  2. www.enologia.org.br/…
  3. www.sobrevinho.net/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datas.blog/3143

RSS/XML