Dia do Aluno ou "Día del Alumno" (25 de julho)

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datas.blog/910

Próxima Celebração "Dia do Aluno" ou "Día del Alumno": Quarta-Feira, 25 de Julho de 2018, : daqui 243 dias, 22:05:17-02:00.
Tempo médio de leitura para essa data comemorativa: ± 1 minuto.

O Dia do Aluno ou "Día del Alumno" em 25 de julho de cada ano, é uma comemoração de salvadorenhos, que foi estabelecida pelo Decreto Legislativo Nº 272 de 20 de fevereiro de 1973, através do qual se oficializou uma data comemorativa já então festejada em várias localidades de El Salvador.

O Decreto Legislativo supracitado determina, que caberá ao Ministério salvadorenho da Educação ou "Ministerio de Educación", fixar as disposições para os festejos dessa data celebrativa em todo o território de El Salvador.

Esse dia festivo de salvadorenhos tem por fim, marcar a data do aniversário do nascimento da heroína salvadorenha, Anita Alvarado, que veio ao mundo em 25 de julho de 1927 na localidade salvadorenha de Los Naranjos de Cojutepeque no Departamento de Cuscatlán, e que entrou para a história de El Salvador, ao perder sua vida de apenas 16 anos em 6 de abril de 1943, depois de 2 dias de sofrimentos com as múltiplas queimaduras sofridas 2 dias antes, quando ela heroicamente lograra salvar das chamas seus sobrinhos de 7 meses e 2 anos de idade, durante um incêndio na casa onde ela e as crianças estavam.

A história conta que, em 4 de abril de 1943, anita encontrava-se sozinha a cuidar de 2 sobrinhos.
Depois das tarefas domésticas, ela colocou as crianças para dormir e foi para a cozinha, na frente da casa. De repente, irrompeu um incêndio na casa onde os 3 estavam.

Primeiramente, anita correu até a rua a pedir socorro. Como não aparecesse ninguém a acudir naquela hora, sem pestanejar ela correu a tentar por si salvar as crianças. Rapidamente conseguiu colocar fora de perigo o menino de 7 meses, levando-o até a beira do cafezal que ficava ali perto.
Mas quando ela fora em busca da outra criança de 2 anos de idade, uma viga em chamas caiu sobre suas costas, e em que pese a jovem tenha conseguido ssalvar o outro menino e se livrar da madeira que ardia, seu corpo ficou envolto pelo fogo.

Então Anita correu até o Cafezal para tentar livrar suas roupas das chamas. NO desespero, se jogava no chão, se levantava e corria outra vez. Por fim, uma vizinha da casa, Francisca Pérez, envolveu Anita com seu agasalho e juntamente com um tenente conseguiu ajudar a jovem ferida.
Anita foi levada para o Hospital Alvarenga em Cojutepeque, onde veio ao óbito 2 dias depois, sofrendo durante todo esse tempo, pelas dores das queimaduras.

Fontes consultadas:

  1. www.asamblea.gob.sv/…
  2. www.elsalvador.com/…

Para dúvidas, críticas, sugestões, reclamações, convites e outros assuntos, por favor, Entre em contato

Licença Creative Commons, para reproduzir tem que citar fonte com link. URL curta: http://datas.blog/910

RSS/XML